Black Sabbath: Geezer Butler fala sobre novo álbum

Imagem

Frankie DiVita, personalidade na rádio Californiana 96.7 KCAl Rocks, conduziu uma entrevista com o baixista do BLACK SABBATH, Geezer Butler, durante os shows do NAMM (National Association Of Music Merchants) deste ano. Você pode ver o vídeo desta conversa, em inglês, mais abaixo. Seguem alguns trechos da conversa.

Sobre o tratamento de câncer do guitarrista do BLACK SABBATH, Tony Iommi:

Butler: “Tony está respondendo muito bem. Ele está fazendo seu tratamento há 14 meses já, e ele está respondendo bem a ele. Ele vai ficar bem. Você nunca pode parar Tony.”

Sobre o incidente com a casa de Ozzy Osbourne  em Beverly Hills, que resultou em uma queimadura na mão de OZZY:

Butler: “Ele está bem. Ele queimou sua mão enquanto estava tentando apagar o fogo. Ela está imobilizada.” [nota do tradutor: com gesso ou algo do tipo]

Sobre o título do novo álbum do BLACK SABATH, “13”:

Butler: “Bem, este é meio que um nome temporário, para ter algo com o que pudéssemos nos referir ao álbum, e eu acho que ele meio que pegou, mas não sei se vai ser o título final ou não. [Foi nomeado assim principalmente por sair no ano de 2013] E no início nós iríamos colocar 13 faixas no álbum. Nós acabamos fazendo 16 faixas. Então não estou certo sobre o que vai no álbum e o que não vai.”

Sobre o processo de gravação para “13”:

Butler: “Esta é a primeira vez que fizemos algo sóbrios juntos. Nenhum de nós estava bebendo ou usando drogas ou algo do tipo, então foi bem mais profissional desta maneira, e nós mantínhamos o cronograma todos os dias. Nós entrávamos 1 e saíamos às 6 da tarde, só para manter tudo bem fresco. Cinco horas por dias.”

Sobre sua inspiração para o novo álbum do BLACK SABBATH:

Butler: “É mais ou menos o mesmo sentimento dos primeiros três álbuns – de volta às raízes. E as letras são muito… Elas são sobre a vida… vida e morte, destino e todo o resto. […]”

Sobre os planos de turnê:

Butler: “Nós começamos na Nova Zelândia e na Austrália em Abril e aí vamos para o Japão. Fazemos a promoção do álbum em Junho e então Estados Unidos em Julho e Agosto. Então vamos para América do Sul e Europa… A jornada nos Estados Unidos vai ser restrita ao BLACK SABBATH. [não será relacionada ao Ozzfest].

Sobre ter Brad Wilk, do RAGE AGAINST THE MACHINE, tocando no novo disco do BLACK SABBATH:

Butler: “Foi ideia de Rick Rubin [produtor], porque ele queria ter… Ele não queria ter um típico baterista de heavy metal no álbum, porque não é um álbum de Heavy Metal, é mais pra Rock… Heavy Rock. E Rick Rubin sugeriu termos Brad ‘porque ele tem a pegada parecida com [o baterista original do BLACK SABBATH] Bill ward. Então nós tocamos com ele e tudo soou ótimo, então fomos com isso… É como voltar a forma que éramos nos anos 1970, assim que nos sentimos – algo parecido com um jazz ou blues nele. […] Foi ótimo trabalhar com ele.”

Sobre quem será o baterista da turnê:

Butler: “Ainda não decidimos.”

O primeiro LP do BLACK SABBATH com OZZY OSBOURNE desde 1978 será lançado em junho pela Vertigo/Universal nos Estados Unidos e somente pela Vertigo no resto do mundo.

Fonte: Em 25/01/2013 | Black Sabbath: Geezer Butler fala sobre novo álbum http://whiplash.net/materias/news_831/171969-blacksabbath.html#ixzz2gUOh0Qrr

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s